quinta-feira, 18 de dezembro de 2003, by Fabricio Shsn

É impressionante como o ser humano é um bicho mentiroso. Quando as pessoas (principalmente mulheres) olham um bebê que acabou de ser expelido da barriga da mãe, todo babado de sangue e liquido amniótico, logo falam: "Que gracinha! É tão bonitinho, parece com o pai!". Na moral, se eu fosse pai e falassem que o feto recém parido é parecido comigo eu ficaria ofendido. Filhote de ser humano geralmente é muito feio! Uma cabeça que parece um joelho, um corpo todo gordo, grita que nem o capeta e caga que nem um dinossauro. Só não é tão feio quanto filhote de gambá... aquilo é mais feio que o rascunho do mapa do inferno. Ah, por falar em gambá, ontem de tarde eu saí para comprar os presentes de Natal. Chegando numa loja de perfumes, saí experimentando todos os perfumes.
-Hm, esse é bom.. qual o preço?
-Cento e trinta reais.
-Ai... e aquele outro que eu gostei?
-Cento e quarenta...
-Uau, tá melhorando... deixa eu experimentar outros...
Daí a mulher trouxe um outro perfume. Eu cheirei aquela porcaria e quase vomitei de nojo. Daí falei:
-Nossa senhora, isso parece bicho morto!
-Hehehe, ele é um pouquinho mais forte mesmo...
-Um pouquinho? Parece cheiro de gambá, só que doce!
A mulher se aproximou mais de mim e falou:
-Cá entre nós, esse perfume é horrível, mas o pior é que tem muita gente que compra...
-Credo! Quanto é isso? Dez prata?
-Acredite se quiser, cento e trinta e cinco reais...
-Cassete... acho que vou comprar no Boticário mesmo...
-É o que eu costumo fazer.

É difícil acreditar que tem gente que compre "essência de gambá com açúcar", mas pior que existe. Mesma coisa é pagar caro pra cassete naqueles trapos rasgados que os estilistas preferem chamar de roupa da moda. Sinceramente? Prefiro ser cafona e sentir o cheiro do meu desodorante de pobre da Gilette.


Clique aqui e comente!

Nenhuma mongolice! Que derrota!