quinta-feira, 7 de outubro de 2004, by Fabricio S.

Eta semaninha atolada, puta que pariu! Enfim, hoje tive um tempinho pra navegar na Internet e entrei na comunidade SouMongol do Orkut. E eis que lhes apresento:

Texto Non-Sense Comunitário!

Paulinha tinha um problema: precisava de dinheiro para comprar uma prótese dentária, então resolveu ir ao dentista. Chegando no consultório, ela descobre que o dentista era o Pinóquio. Atraída pelo enorme nariz, ela decide perguntar:
-Como você assoa o nariz?
-Minha meleca é de verniz!
Assustada, continuou a consulta, quando uma fada aparece dizendo:
-Este dente me pertence!
Então, Paulinha tirou uma arma escondida embaixo da saia, e disse:
-Sou um travesti! Você pode me passar todo seu dinheiro ou vai levar chumbo!
De repente, a secretária chega e começa a ficar nua. Mas ela era o Pikachu, e começou a emitir luzes. Atraídos pelas luzes, alienígenas entram e tentar abduzir Paulinha, que peida e mata todos, menos o vereador escondido, que saindo do esconderijo diz:
-Paguei os Ets!
Então, foi preso por comprar votos. Mas sabe como é político, escapou por uma brecha nas leis e foi fazer trabalho comunitário no Tibet, onde conheceu sua boneca inflável do amor.


Quer participar dessa história? Entre na comunidade SouMongol do Orkut e faça sua parte. Vamos fazer deste texto non-sense o maior de todos, quem sabe infinito...


Clique aqui e comente!

Nenhuma mongolice! Que derrota!