domingo, 8 de agosto de 2004, by Tiago

Pros pais dessa gente que visita nosso site:

Feliz Dia dos Pais!

(pros que visitam o site e são pais, sintam-se parabenizados também!)

Quem tem mais ou menos a minha idade se lembra de quando tinha uns 9 ou 10 anos, que surgiu aquela febre dos ioiôs da Coca-Cola (de fato a segunda febre, a de 1994 - pra quem não sabe, teve outra em 1987). Em pouco tempo uma nação inteira reuniu um exército de exímios ioiozeiros, capazes de executar as mais diversas acrobacias com dois círculos de plástico unidos por um eixo de madeira e enrolados por uma corda. Eu podia não ter sido dos mais exímios, mas pelo menos me contentava em não ser dos piores... Mas qual não foi minha surpresa ao ver, no início do mês passado, dois garotos jogando ioiôs da Coca-Cola na rua! Pensei comigo: "Caraca! Ioiô! Será que a febre vai voltar? Se voltar vai ser muito foda!" e me encumbi de encontrar algum lugar onde vendesse os ioiôs, pois minha mão tava coçando de vontade de tacar... E achei! Comprei-o e me pus prontamente a tentar reproduzir as técnicas passadas de pai para filho como "Volta ao Mundo", "Europa", "Cachorrinho", "Pêndulo", etc., pra descobrir que minhas habilidades estavam reduzidas à pouco mais que "Cachorrinho tentando mijar no poste e sofrendo de reumatismo ao voltar". Continuei treinando, e no dia seguinte, fui pra faculdade, com o ioiô. Daí o leitor pensa "Mongol maluco, vai pra faculdade tacar ioiô... O pessoal da turma dele deve ter zoado com a cara dele..." Que nada, todo mundo lá é anormal como eu: "Caraaaca maluco, ioiô! Onde tu comprou? Vou comprar também!" Quem sabe é o início de uma nova febre?

P.S.: Quanto ao post da semana passada: Não, não tou ficando sério, não tou ficando velho, só tou apaixonado pela pessoa errada. E riscaram o carro do meu pai, de implicância. E não me avisaram que as aulas iriam começar no dia seguinte =PPP


Clique aqui e comente!

Nenhuma mongolice! Que derrota!