quinta-feira, 19 de fevereiro de 2004, by Fabricio Shsn

Sinistro. Hoje eu saí para comprar uma sunga. Cheguei na loja e esperei dias para ser atendido devido ao povão que comprava fantasias de Carnaval, até que uma mulher resolve me dar atenção. Peguei uma sunga e fui experimentar. Entrei no provador (daqueles de cortina de box) e fui tirando a roupa. Tênis, camisa, calça e a cueca, tudo no chão, não tinha um mísero de um banquinho ou gancho. Confesso que nesse momento fiquei com receio da maldita garotinha que estava ali perto gritando abrir a cortina e ver o meu bilau, seria algo constrangedor. Graças a Deus, isso não aconteceu. Bem, a sunga serviu, comprei-a e fui pra casa. Chegando lá, fui tomar banho. E quando tirei as vestimentas foi aquele susto: meu membro cheio de purpurina, e eu não entendi porra nenhuma. E só após várias teorias como geração espontânea e outras coisas ridículas, cheguei a conclusão de que o chão da loja estava sujo. E muito sujo por sinal. Imagine só, uma cueca purpurinada... puff!

Mudando de assunto, tem empresas que imitam um produto. E tem outras que fazem praticamente uma cópia! É o caso desse picolé, da marca Ora Bolas. Que cópia descarada!


Clique aqui e comente!

Nenhuma mongolice! Que derrota!