segunda-feira, 12 de janeiro de 2004, by Tiago

Putz, passei o fim de semana todo longe de casa... Mas bem longe mesmo, fui pro interior de Minas Gerais, pra casa da madrinha do meu irmão, em São João Del Rei. Bastante coisa legal por lá, por exemplo, perto de São João tem a cidade Tiradentes, muito legal de se visitar, tem muita coisa interessante, embora o artesanato e a comida sejam exorbitantemente caros, mas o ponto alto foi a gente conversar sobre sotaque: tava conversando com uma garota mineira, quando falo em alguma frase a palavra "sexta" e a garota começa a rir. Não entendi o porquê de primeira, mas por ser do estado do Rio eu falo sexta com "sh", (pra quem não sabe) ficando seshta, ao contrário de outros lugares (tal qual Minas) onde se fala sessta. Daí foi um monte de tempo discutindo sobre assuntos como o R aspirado (como em porta, que fica poHta, o H não mudo) e o R enrolado (que solta um som indescritível em letras, mas inconfundível, acredito que todo mundo possa lembrar), Acho muito interessante, e queria ver comentários agora do que que vocês acham que tem de diferente no sotaque de vocês pro resto do Brasil (afinal, é um país imenso, e todo mundo tem sotaque, sem exceção).
Outra coisa interessante... Quantos de vocês, queridos visitantes do SouMongol, já tiveram a sensação de já ter visto um determinado lugar quando vocês chegam lá pela primeira vez? Digo, como se já tivesse estado lá, mesmo sem ter passado nem por perto? Tou querendo saber se tou ficando mais mongol que o humanamente possível...


Clique aqui e comente!

Nenhuma mongolice! Que derrota!