sábado, 6 de setembro de 2003, by Fabricio Shsn

   Pombas, que mico! Eu tava esperando o ônibus pra ir pra faculdade e, como não havia ninguém no ponto, eu comecei a cantar baixinho. Cantei, cantei, e minha voz deve ter aumentado de volume como sempre. Tou eu lá, empolgadão, quando de repente eu me viro pro lado oposto que eu tava olhando. Maluco, tinha uma velhinha praticamente colada em mim! Eu arregalei os olhos e ela só falou: "Pode cantar, meu filhinho!". Eu apenas virei um camarão e dei uma risadinha sem graça. Nunca eu desejei tanto ser um avestruz para enfiar a cabeça debaixo da terra.
   Galera, acho que nem todo mundo sabe, mas esse blog é mantido por não apenas um, mas dois mongóis! Tem eu, Fabricio, que é o namorado da Bibi, e tem o Tiago, que tá sem namorada e esperando e-mail das fãs que queiram se casar e ter uma dúzia de Tiaguinhos. Portanto, fique sempre de olho para saber qual foi o inútil que postou!


Clique aqui e comente!

Nenhuma mongolice! Que derrota!